(19) 3044.8899

(19) 98124.8789

Clínica Odontológica em Campinas Odonthos | Dentistas em Campinas

BLOG ODONTHOS ODONTOLOGIA

A Clínica Odonthos oferece tratamentos Dentários e Faciais com equipamentos de última geração, com uma equipe de profissionais que proporcionam eficência e conforto.

 

"Resultado da busca por: Dentista campinas"


Cefaleia Tensional - Dor de Cabeça

Em 22/08/2016

 A cefaleia tensional é geralmente uma dor difusa, de leve a moderada intensidade na sua cabeça, muitas vezes descrita como a sensação de uma faixa apertando o crânio. A cefaleia tensional é o tipo mais comum de dor de cabeça, e suas causas não são bem compreendidas. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cefaleia, cerca de 38% a 74% dos brasileiros sofrem com cefaleia tensional.

A cefaleia tensional pode ser episódica (menos de 15 dias por mês) ou crônica (mais de 15 dias por mês). As dores de cabeça podem durar entre 30 minutos e vários dias.

Getty Images
A cefaleia tensional é o tipo mais comum de dor de cabeça, e suas causas não são bem compreendidas.

CONTINUE LENDO...

Tags: Dor de cabeça cefaleia tensional tratamento dor de cabeça DTM ATM dor orofacial clínica odontológica campinas odontologia campinas dentista campinas dentista especialista campinas 

Compartilhe:

Fechar diastema central com aparelho ou resina?

Em 22/08/2016

 Fechar diastema central é uma necessidade estética para muitas pessoas que não gostam dos dentes separados na frente.

As opções de tratamentos para resolver este problema estético são o fechamento do espaço com movimentação ortodôntica, o preenchimento do espaço com materiais restauradores (resina/porcelana) ou a combinação das duas técnicas.

A forma escolhida para fechar o diastema vai depender de diversos fatores relacionados à origem do espaçamento entre os incisivos centrais.

www.odonthos.com.br
(19)3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: Estética dental estética dentária clareamento dental diastemas nos dentes espaço nos dentes fechamento diastemas facetas porcelana lentes de contato dentário de porcelana dentista campinas odontologia campinas 

Compartilhe:

DTM EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Em 16/08/2016

 Criança também pode ter DTM?

Sim. Crianças e adolescentes também podem apresentar sinais e sintomas de DTM/DOF, apesar de ser uma condição mais rara nessa faixa etária. No entanto, uma pesquisa epidemiológica recente sugere que uma porcentagem significativa de crianças (cerca de 35%) possui pelo menos um sinal de DTM/DOF. Os sinais e sintomas de DTM principalmente em pacientes na fase de crescimento e desenvolvimento são transitórios (vem e voltam), flutuantes (tem fase que piora e fase que melhora) e auto limitantes (podem desaparecer sem que haja tratamento), mas mesmo assim podem apresentar efeitos negativos sobre a qualidade de vida.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: DTM ATM dor orofacial dor de cabeça zumbido no ouvido estalo maxilar apertamento dental bruxismo dentista campinas clínica tratamento dor de cabeça odontologia campinas dentista especialista DTM 

Compartilhe:

Como manter meu sorriso branco

Em 01/08/2016

 
Como manter meu novo Sorriso Branco?

 

Com o passar do tempo, a exposição a alimentos, bebidas (especialmente café, chá, refrigerante e vinho tinto) e fumo gradualmente escurecerá os dentes recentemente clareados. Mas existem medidas que podem ser tomadas para manter seu sorriso. O pequeno esforço investido em mantê-los brilhantes ao máximo, não é nada se comparado ao dinheiro e/ou tempo necessários ao tratamento de clareamento dos dentes.

Veja baixo algumas dicas para manter seus dentes brancos:

  • Use creme dental branqueador para a remoção de manchas e prevenir o amarelamento dos dentes.
  • Escove ou enxágüe os dentes imediatamente após consumir alimentos ou bebidas que possam manchá-los.
  • Use um canudo para consumir bebidas que possam manchar os dentes, como por exemplo: café, chá, refrigerantes e vinho tinto.
  • Use batom de tonalidade brilhante baseada no azul ou cor-de-rosa. O que confere uma aparência mais branca aos dentes. Evite usar tons alaranjados ou marrons.
  • Verifique se seus dentes necessitam de retoque. Dependendo do método de clareamento usado, um retoque após seis meses, um ano ou dois pode ser necessário. Caso você fume ou beba muito café, talvez precise de um retoque com mais freqüência.

 

 

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas odontologia campinas clínica odontológica em campinas implantes dentários facetas porcelana lentes de contato de porcelana estética dental clareamento dentário aparelho dentário de porcelana  

Compartilhe:

Prevenção em saúde bucal na infância

Em 26/07/2016

 Folheto: Crianças

Folheto: Crianças

Folheto: CriançasComo devo cuidar dos dentes do meu filho
As crianças têm necessidade de cuidados bucais especiais que todos os pais devem conhecer. Entre esses cuidados estão a higiene bucal adequada, a prevenção da cárie causada pelo uso da mamadeira e a certeza de que seu filho está recebendo uma quantidade adequada de flúo.

O que é cárie de mamadeira e como evitá-la
É a cárie causada pela exposição frequente a líquidos que contêm açúcar, como o leite, às fórmulas comerciais preparadas para bebês e os sucos de fruta. Nunca deixe a criança adormecer com a mamadeira de leite ou suco na boca. Ao invés disso, na hora de dormir, ofereça uma mamadeira com água ou uma chupeta que tenha sido recomendada pelo seu dentista. E após cada mamada, limpe os dentes e a gengiva da criança com um pano ou uma gaze umedecidos.

O que é o flúor? Como saber se meu filho está recebendo a quantidade certa?
O flúor faz bem antes mesmo de os dentes do seu filho começarem a aparecer. Ele fortalece o esmalte dos dentes enquanto estes estão se formando. Muitas empresas de distribuição de água adicionam a quantidade de flúor adequada ao desenvolvimento dos dentes. Para saber se a água que você recebe em casa contém flúor e qual a quantidade de flúor que é colocada nela, ligue para a empresa de distribuição de água no seu município. Se a água que você recebe em casa não tem flúor (ou não contém a quantidade adequada), fale com seu pediatra ou dentista sobre as gotas de flúor que podem ser administradas ao seu bebê diariamente. Se você usa água engarrafada para beber e cozinhar, avise seu dentista ou médico. É possível que eles receitem suplementos de flúor para seu bebê.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899
 

CONTINUE LENDO...

Tags: cárie dental flúor nos dentes prevenção saúde bucal higiene bucal escova de dente  creme dental fio dental dentista campinas odontologia campinas clínica odontológica campinas  

Compartilhe:

Higienização de implantes dentários

Em 11/07/2016

 Técnica de escovação adequada

Técnica de escovação adequadaImediatamente após a implantação cirúrgica, a área onde o implante foi colocado ficará sensível, e você poderá ter dificuldade de usar uma escova de dente na região. Desse modo, para evitar a formação da placa use antissépticos bucais antibacterianos e/ou cremes dentais, conforme recomendação do seu dentista. Um ou dois dias após a inserção do implante você pode usar uma escova de dente extra macia para higienização da região. Uma vez que a prótese dentária (coroa, dente) for colocada, escove muito bem toda área ao redor do implante.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: implantes dentários prótese sobre implante implantes osseointegrados prótese tipo protocolo prótese dentária facetas laminadas de porcelana lentes de contato de porcelana dentista campinas odontologia cambuí campinas 

Compartilhe:

Ortodontia Fixa - aparelhos dentários autoligados

Em 04/07/2016

 Aparelhos ortodônticos autoligados têm como principal característica a baixa fricção entre os arcos ortodônticos e braquetes durante o tratamento, facilitando o início do movimento dentário pela diminuição da resistência inicial à movimentação.

Estes aparelhos ortodônticos são fixos compostos por braquetes que possuem uma presilha flexível metálica, como uma tampa, que prende e amarra o fio ortodôntico metálico na canaleta do braquete. Com essa estrutura, não há necessidade do uso das ligaduras elásticas, que são as famosas "borrachinhas coloridas", durante o tratamento.

aparelho ortodôntico autoligado é indicado para vários casos de mal oclusão dentária, mas apresentam uma vantagem em casos que não necessitam de atrito entre as canaletas dos braquetes e o fio, em que serão realizadas grandes movimentações por meio de deslizamento e em casos com necessidade de expansão transversal das arcadas.

 

Vantagens do aparelho autoligado

Nos aparelhos ortodônticos autoligados, não há a necessidade do uso das ligaduras elásticas, que são as borrachinhas coloridas, pois os próprios braquetes possuem uma estrutura que serve para prender os arcos ortodônticos. Esse sistema permite um menor atrito do fio metálico com a canaleta do braquete, o que permite a aplicação de uma força mais suave e menos incômoda ao paciente.

Além disso, a ausência das ligaduras diminui o consideravelmente o acúmulo de bactérias no aparelho, evitando assim cáries, cálculo dentário, mau hálito e outros problemas bucais.

Os resultados podem ser mais rápidos e o tratamento menos doloroso do que com o uso dos aparelhos convencionais.

Com a existência de um menor atrito entre as estruturas do aparelho e a possibilidade de se aplicar a força adequada para a movimentação dentária a ser obtida, os danos aos tecidos que circundam os dentes (ossos, gengivas e ligamentos periodontais) serão menores, causando movimentações mais rápidas e eficientes e ao mesmo tempo menos efeitos colaterais que possam causar dor.

Tipos de aparelho ortodôntico autoligado

Existem dois tipos distintos de sistemas de aparelhos ortodônticos autoligados, que são o passivo e o interativo.

Os passivos são aqueles em que o sistema de fechamento do clip na canaleta do braquete não faz pressão sobre o fio ortodôntico, tendo um melhor desempenho no deslizamento dentário e pior no controle de rotação e inclinação dos dentes.

Os interativos se comportam como ativos e passivos, e as presilhas flexíveis que fecham a canaleta podem pressionar ou não o arco, dependendo do seu calibre.

Ambos têm suas vantagens e desvantagens, e o profissional ortodontista vai escolher o tipo de aparelho de acordo com o tratamento mais indicado para cada paciente.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: Ortodontia campinas aparelho fixo dentário aparelho fixo de porcelana aparelho ortodôntico invisível tratamento ortodôntico clínica de ortodontia em campinas dentista campinas odontologia em campinas 

Compartilhe:

Escovação correta dos dentes

Em 04/07/2016

 Mesmo que você tenha escovado seus dentes e passado o fio dental por anos e anos, muitos se surpreendem ao saber que não estão fazendo isso de forma apropriada. Você sabia que uma escovação apropriada leva pelo menos dois minutos? A maioria dos adultos não chega nem perto de escovar os dentes por todo esse tempo.

Esses quatro passos são as formas mais fáceis e melhores de ajudá-lo a lembrar como cuidar de sua boca, de seus dentes e gengiva:

  1. Escove pelo menos três vezes ao dia com creme dental com flúor, por ao menos dois minutos, principalmente ao acordar e antes de dormir.

  2. Fio dental todos os dias – normalmente na hora de dormir.

  3. Reduza o consumo de lanches por dia.

  4. Vá ao dentista a cada seis meses para um exame bucal e uma limpeza profissional.
    www.odonthos.com.br
    19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas prevenção em odontologia escovação dentária fio dental cárie dental clínica de odontologia clínica odontológica campinas  

Compartilhe:

Aparelho fixo Lingual - aparelho invisível

Em 30/06/2016

 

Aparelho Ortodôntico Lingual: Perguntas Freqüentes

Nesta seção você vai poder conhecer a Ortodontia Lingual e o Aparelho Ortodôntico Lingual. Você ainda pode acessar diversos Posts sobre Ortodontia Lingual no Blog do Ortodontista.

O que é Ortodontia Lingual?

É a técnica ortodôntica em que o aparelho fixo é colado na face interna dos dentes. Como estas ficam em contato com a língua, são chamadas de faces linguais. Daí o nome Ortodontia LingualAparelho Ortodôntico Lingual. Abaixo, você pode ver algumas imagens do aparelho:

Projeção dos Lábios

Detalhe do aparelho lingual

Detalhe do aparelho lingual

Vista de baixo para cima do aparelho lingual

Vista de baixo para cima do aparelho lingual

Close dos brackets do aparelho lingual

Close dos brackets do aparelho lingual

 

Quais as vantagens do aparelho ortodôntico lingual?

A principal vantagem é estética. Como os brackets são colados atrás dos dentes, ficam praticamente invisíveis e ninguém percebe que você faz tratamento ortodôntico.
Outra vantagem é o fato de não projetar os lábios para frente, evitando alterações no perfil da face, ao contrário do que faz o fixo convencional.
Apesar do acúmulo de resíduos durante as refeições ser igual em qualquer aparelho, no aparelho ortodôntico lingual eles não aparecem e o usuário se sente mais seguro para conversar durante um almoço de negócios, por exemplo.

Projeção dos Lábios

Ilustração da boca sem brackets. Lábios em posição normal

Ilustração da boca sem brackets. Lábios em posição normal.

Ilustração da boca com o bracket convencional, demonstrando a projeção dos lábios

Ilustração da boca com o bracket convencional, demonstrando a projeção dos lábios

Ilustração da boca com o bracket lingual, que não projeta os lábios porque está atrás dos dentes

Ilustração da boca com o bracket lingual, que não projeta os lábios porque está atrás dos dentes

 

Existem desvantagens no seu uso?

Pode haver dificuldade em articular alguns fonemas nas primeiras semanas de uso.
A higiene é mais trabalhosa.

O aparelho ortodôntico lingual machuca a língua?

Normalmente não. A experiência mostra uma ótima adaptação na maioria dos meus pacientes. Machucar a língua é um queixa que raramente recebo. Mas pode ocorrer, principalmente em pacientes com mais idade e menor produção de saliva.

Imagens do Aparelho Lingual

Segmento posterior do aparelho lingual em detalhe

Segmento posterior do aparelho lingual em detalhe

Vista oclusal do aparelho lingual

Vista oclusal do aparelho lingual

Aparelho lingual na arcada inferior

Aparelho lingual na arcada inferior

 

 

CONTINUE LENDO...

Tags: aparelho ortodôntico lingual aparelho fixo invisível aparelho dentário autoligado ortodontia campinas odontologia campinas dentista campinas clínica odontológica cambuí campinas-sp 

Compartilhe:

Fechamento de Diastemas - espaço entre os dentes

Em 22/06/2016

 Que é um diastema e como tratá-lo?

O “diastema” é uma área de espaço extra entre dois ou mais dentes. É mais frequentemente observado nos dois dentes frontais da arcada superior. Muitas crianças tem diastema como resultado da queda dos dentes de leite, mas, na maior parte dos casos, os espaços se fecham quando os dentes permanentes nascem.

www.odonthos.com.br

19 3044-8899

 

CONTINUE LENDO...

Tags: Estética dental clareamento a laser clareamento dental branqueamento dental fechamento de diastema dental dentista campinas dentista cambuí campinas odontologia cambuí campinas 

Compartilhe:

Prótese sobre implante tipo protocolo

Em 21/06/2016

 prótese tipo protocolo Bränemark consiste na reabilitação total de pacientes que perderam seus dentes há muitos anos e que possuem sua parte óssea prejudicada. A técnica do médico ortopedista sueco, Per-Ingvar Bränemark, teve início nos anos 60, mas em 1969 ela foi otimizada para próteses fixas.


 

CONTINUE LENDO...

Tags: implantes dentários prótese sobre implante tipo protocolo prótese dentária facetas de porcelana lentes de contato de porcelana dentista campinas odontologia campinas dentista cambuí campinas 

Compartilhe:

Tratamento ronco e apnéia

Em 14/06/2016

 Ronco

Quem acredita que roncar é apenas uma situação embaraçosa e incômoda se engana. O ronco é uma doença, que se não for tratada adequadamente pode evoluir, trazendo inúmeros riscos à saúde.

Uma em cada oito pessoas ronca, com uma maior porcentagem no sexo masculino (40% dos homens adultos e 30% das mulheres), tornando-se mais frequente com o avanço da idade. Acredita-se que o ronco esteja presente no sono de 60% das pessoas com mais de 55 anos. Também é três vezes mais comum em obesos do que em magros.

O QUE É:

 


O Ronco é a obstrução parcial das vias aéreas superiores, sendo que o seu som ocorre devido à passagem do ar com dificuldade, devido à parte posterior da língua (fundo) encostar no céu da boca (palato mole), dificultando a passagem do ar, o que provoca vibração e consequente ruído. Ele ocorre especialmente dormindo de costas.



CAUSAS:

- ganho de peso e obesidade;

- deposição de gordura na região cervical (pescoço);

- uso de álcool e diazepínicos (calmantes);

- alterações dos ossos da face e hipoplasia da mandíbula (retrognatia)

- adenóides e amígdalas grandes;

- desvio de septo;

- pólipos nasais;

- contato das paredes musculares da faringe, que têm diminuição do seu tônus induzido pelo repouso ou pelo decorrer dos anos;

- obstrução nasal, rinites, sinusites;

- aumento do volume de secreção e muco;

- entre outras.

Roncar durante o sono é tão antigo como o próprio homem. Antigamente era tido como uma manifestação de boa saúde, e o incômodo causado aos outros, especialmente os familiares, era o único aspecto levado em conta e normalmente resolvido isolando o roncador em um dormitório só para ele.
Entretanto, recentemente a ciência passou a dar uma maior atenção ao ronco, relacionando-o ao comportamento do roncador quando este está acordado, percebendo por vezes uma queda em seu rendimento nas suas atividades diurnas.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899

Indivíduos acima do peso ideal ou obesos costumam apresentar determinadas características comuns nas causas do ronco: acúmulo de gordura submucosa e dobras mucosas excessivas, pescoço grosso e curto, com excesso de tecido cervical.

Fatores anatômicos também predispõem a pessoa a roncar como a micro ou retrognatia (queixo pequeno ou para trás), a macroglossia (língua grande), hipertrofia (aumento) do pálato, hipertrofias de amígdalas (amígdalas grandes) ou ainda, ter o rosto desproporcional.

A consequência mais importante e séria do agravamento do ronco é a Apneia obstrutiva do sono, que pode trazer inúmeros riscos e consequências à saúde.

CONTINUE LENDO...

Tags: Ronco apneia clínica tratamento ronco e apneia em campinas cepap aparelho intraoral ronco e apneia dentista campinas clínica de odontologia campinas-sp aparelho fixo dentário 

Compartilhe:

Clareamento Dental - Branqueamento Dental

Em 14/06/2016

 Há muitas maneiras de clarear os dentes, de creme dental com ação clareadora a outros produtos que removem manchas superficiais a custos reduzidos, a técnicas ativadas por luz executadas no consultório de um dentista. 

Todas as técnicas de clareamento são realizadas de uma dessas duas maneiras:

  1. Procedimentos clareadores removem manchas extrínsecas e intrísecas.Procedimentos clareadores removem manchas extrínsecas e intrísecas.

     

    Procedimentos clareadores que modificam a cor natural dos dentes, deixando-os com tons de cinco a sete vezes mais claros. Tanto o clareamento realizado no consultório (assistida) quanto aquele realizado em casa (moldeira) utilizam alvejantes. Os princípios ativos mais freqüentemente contidos nos alvejantes são o peróxido de carbamida e o peróxido de hidrogênio a concentrações de 10 a 22%, que ajudam na remoção tanto das manchas superficiais quanto das profundas. Há diferenças de custo entre os diferentes procedimentos:

    • Uma sessão de clareamento ativada por luz no consultório do dentista, às vezes chamadas clareamento assistido (clareamento no consultório),  e seus resultados são dentes muito mais brancos, instantaneamente. Porém, após um ano comendo e bebendo normalmente (café, chá, refrigerantes), seus dentes perdem ligeiramente a cor e novas manchas aparecem. Para ter seus dentes brancos novamente você deverá repetir a sessão de clareamento ativado por luz.

    • Uma moldeira personalizada criada pelo seu dentista para clarear os dentes em casa,  por arcada dentária, e deve ser usada durante muitas horas durante o dia, ou durante a noite por duas semanas. Quando você observa novas manchas, deve apenas usar a moldeira novamente por uma ou duas noites para removê-las.

    • Produtos vendidos sem receita nas farmácias para clarear os dentes incluem moldeiras que se adaptam depois de aquecer e morder, gel alvejante aplicado por um pincel.

  2. La abrasión  remueve mayormente manchas externasLa abrasión remueve mayormente manchas externas.

    Procedimentos não clareadores funcionam por ação física e/ou química para ajudar a remover manchas superficiais. Todas os cremes dentais recaem no uso de um leve desgaste para remoção de manchas superficiais entre consultas odontológicas. Cremes dentais clareadores contêm agentes químicos ou polidores para promover a remoção adicional das manchas. Uma limpeza profissional feita por uma dentista ou higienista também envolve desgaste para remoção de manchas mais externas causadas por alimentos ou tabagismo.

Cada um responde de maneira diferente a cada tipo de clareamento. Algumas pessoas respondem bem aos cremes dentais clareadores, enquanto outras, com dentes acinzentados ou outro tipo grave de descoloração, necessitam de facetas laminadas de porcelana(abordados ainda nessa sessão) para obter os sorrisos que sempre desejaram. Apenas seu dentista ou higienista podem determinar o que é melhor para você.
www.odonthos.com.br
 

CONTINUE LENDO...

Tags: clareamento dental branqueamento dental clareamento dentário branqueamento dentário estética dental facetas de porcelana dentária lentes de contato dentária odontologia campinas dentista campinas cambuí 

Compartilhe:

Coroa - Jaquetas dentárias de Porcelana

Em 05/06/2016

 

A prótese metal free (sem metal) tem como vantagens:

  • - Melhor estética do que em próteses com metal
  • - alta resistência e durabilidade
  • - ótima aparencia em ambientes iluminados, translucidez
  • - Dificulta o aparecimento de manchas cinzas na região da gengiva


Os principais tipos de porcelanas importadas para prótese metal-free são Zirconia (antigamente chamada Procera), Dissilicato de lítio (Emax), Leucita (Empress) e Alumina - In Ceram (em desuso).

O processo de fabricação de uma coroa de porcelana pura sem metal (metal free), tem etapas parecidas ao de uma coroa de porcelana convencional com metal interno (metalocerâmica), porém as estruturas de reforço são brancas.

Na clínica ImplArt, as coroas Metal Free são realizadas em processos computadorizados, como o CEREC 3D (veja mais)

 

São tipos de trabalhos que podem ser feitos com porcelana pura sem metal (metal free):

  • reabilitação oral estética
  • coroa de porcelana pura
  • onlay de porcelana (blocos)
  • Coroa sobre implante
  • Prótese fixa sobre dentes naturais e para implantes
  • Prótese para implante total sem metal (protocolo em zircônia)

 

Hoje em dia podemos realizar na clínica Odonthos Odontologia Campinas ,projetos de coroas sem metal (metal free), com auxílio do computador, mediante escaneamento e estudo do sorriso. Veja mais sobre projetos computadorizados de coroas metal free (sem metal).
w
ww.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: Estética dental  facetas de porcelana lentes de contato de porcelana clareamento dental  inlay onlay de porcelana odontologia estética campinas clínica odontológica cambuí campinas-sp dentista campinas 

Compartilhe:

Zumbido nos Ouvidos

Em 03/06/2016

 Conhecido também como acúfeno, tinnitus ou tinido, o zumbido no ouvido é um sintoma associado a perda auditiva. Pode ter som semelhante de abelha, panela de pressão, cachoeira e outros barulhos.

zumbido no ouvido atinge milhares de pessoas ao redor do mundo. Ele trata-se de uma sensação auditiva que não acontece por estímulos externos ao organismo, ou seja, é um sintoma associado a várias formas de perda auditiva.

As pessoas que são acometidas por esse problema ouvem um um som persistente e initerrupto.

 

CONTINUE LENDO...

Tags: DTM ATM zumbido nos ouvidos dor de cabeça cefaléia dor neuropática bruxismo placa de bruxismo apertamento dental rangido dos dentes tratamento ATM dentista campinas dentista cambuí campinas 

Compartilhe:

Prótese fixa dentária sobre implante

Em 31/05/2016

 Prótese dentária fixa sobre impante livre de metal(metal free), facetas em porcelana e lentes de contato em porcelana.Odontologia estética

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas  prótese sobre impante prótese fixa dentária lentes de contato de porcelana facetas de porcelana dentária clínica odontologia cambuí campinas clínica odontológica campinas-sp 

Compartilhe:

Facetas de porcelana x lentes de contato de porcelana

Em 25/05/2016

 Diferença entre laminados dentários cerâmicos: facetas de porcelana x lentes de contato de porcelana?

Qual a diferença entre faceta em porcelana e lente de contato dental?

 

26.01.2017

 
 

Nos dias atuais é cada vez mais comum as pessoas procurarem tratamento estético para os seus dentes da frente. 

 

 

E a procura é pela faceta em porcelana ou lente de contato. 

 

Qual a diferença entre as duas?

 

É simples, a faceta precisa desgastar o dente e a lente o desgaste é muito pouco ou nada. 

 

Para que serve a lente?

 

A lente é para pequenas correções, como fechamento de espaços, aumento do comprimento, largura, arredondamento de ângulos. É tão fina que parece transparente, pois isso ganhou o nome de lente de contato dental. 

 

 

 

Para que serve a faceta dental?

 

 

 

 

Nos casos em que há comprometimento de cor, ou manchamentos, ou dente girado, ou desalinhado, há necessidade de desgaste do esmalte. 

Por exemplo, em um dente que escureceu pelo tratamento de canal, é preciso desgastar o esmalte para dar espessura para a porcelana esconder a cor escura. 

Nesse caso a lente de contato não funcionaria. 

Nos casos de dentes desalinhados é possível corrigir o desalinhamento, colando uma lâmina cerâmica sobre ele. 

E estética é inigualável. 

 

 

 

Como fica a estética do sorriso com a faceta ou lente?

 

 

Se o objetivo é a transformação do sorriso, o resultado total só é possível se trabalhar todos os dentes que aparecem quando você sorri. É impressionante a transformação. E nesse caso, um estudo bem detalhado com o Planejamento Digital do Sorriso, é fundamental. 

 

E a durabilidade como fica, já que são materiais com pouca espessura?

 

Vamos por uma analogia. Imagine como é fixado o laminado em porcelanato no piso, na contrução civil. A lâmina do porcelanato é bem fina se comparado com o contra-piso não é? Mas se o contra-piso estiver totalmente regular e sólido e a lâmina ficar totalmente apoiada sobre ele, não existe a chance de quebrar. A não ser que sofra algum impacto altamente forte. 

A lâmina de porcelana funciona assim também. Porém, é claro, que nas áreas incisais é necessário um cuidado com hábitos nocivos, como morder tampa de caneta, prego, parafuso, tampa de garrafa, milho de pipoca, etc. 

 

 

 

 

 

Outra questão bem importante é saber como podem ficar naturais e bonitas as facetas ou lentes de contato?

 

O planejamento aqui é fundamental. E para isso contamos com uma nova técnica para não errar na escolha do tamanho e forma dos novos dentes. CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas dentistas em campinas dentista em campinas clínica de odontologia em campinas clínica odontológica em campinas prótese dentária facetas de porcelana lentes de contato de porcelana 

Compartilhe:

Bruxismo Diurno

Em 01/05/2016

 Bruxismo do sono é um distúrbio do sono caracterizado pelo apertar e ranger dos dentes, de forma involuntária,  com aplicação de forças excessivas sobre a musculatura mastigatória. A palavra bruxismo do sono vem do grego brycheinm, que significa ranger dos dentes.

O bruxismo diurno é diferente do bruxismo noturno ou do sono. Assim, o bruxismo diurno é caracterizado por uma atividade semivoluntária da mandíbula, de apertar os dentes enquanto o indivíduo se encontra acordado, onde geralmente não ocorre o ranger de dentes, e está relacionado a um tique ou hábito. Já o bruxismo do sono é uma atividade inconsciente de ranger ou apertar os dentes, com produção de sons, enquanto o indivíduo encontra-se dormindo.

O bruxismo do sono é um problema que afeta sobretudo as crianças podendo também afetar os adultos.

O ranger provoca um desgaste nos dentes que pode afetar a integridade dos mesmos e comprometer a saúde bucal. O bruxismo do sono também "força" e cria tensões ao nível das articulações temporomandibulares (ATM) que pode causar desgastes e eventuais problemas.

As causas do bruxismo do sono são multifatoriais e ainda pouco conhecidas. A má oclusão dentária e tensão emocional podem estar relacionadas a este distúrbio. 
O ruído característico do ranger dos dentes, desgaste dentário, hipertrofia dos músculos mastigatórios e temporais, dores de cabeça, disfunção da articulação temporomandibular, má qualidade de sono e sonolência diurna estão entre as principais manifestações clínicas do bruxismo do sono.

O diagnóstico é feito pela observação de um desgaste dentário anormal, ruídos de ranger de dentes durante o sono e desconforto muscular mandibular.

A polissonografia registra os episódios de ranger dos dentes, permitindo identificar alterações do sono e microdespertares. As alterações predominam no estágio 2 do sono não REM e nas transições entre os estágios.

A polissonografia permite ainda o diagnóstico de outros distúrbios do sono, tais como ronco, apnéia do sono, movimentos periódicos dos membros, distúrbio comportamental do sono REM e outros.

O tratamento deve ser individualizado para cada paciente. Como o bruxismo do sono tem causas variadas, o tratamento também segue na mesma direção. O uso de placas orais moles (silicone) ou duras (acrílico) visa a proteção dos dentes prevenindo o desgaste dentário ou fraturas durante o sono. Geralmente se faz necessário abordagem psicoterápica, odontológica, farmacológica e suas combinações, de acordo com o perfil do paciente.

Aplicações locais de toxina botulínica nos músculos envolvidos têm sido utilizadas em casos de bruxismo do sono que não respondem ao tratamento convencional.

www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: dentista campinas-sp/dentistas campinas-sp/dentistas em campinas-sp/dentista em campinas-sp/odontologia em campinas-sp/odontologia cambuí campinas-sp/clínica odontológica em campinas/ 

Compartilhe:

Bruxismo na infância

Em 01/05/2016

 O problema é comum em crianças, segundo Paulo Breinis, neuropediatra do Hospital Israelita Albert Einstein, sendo que ele ocorre em 40% das crianças na segunda infância. “O bruxismo é quase sempre uma patologia infantil. É difícil ocorrer em adultos”, disse.

Se a criança sofrer de bruxismo, normalmente terá o problema nas épocas do nascimento e da troca dos dentes, pois ela começa a forçar para ajeitá-los, de acordo com Alexandre Bussab, cirurgião-dentista da Clínica Brasil Smiles. “A troca dos dentes acontece, primeiro, aos 5 ou 6 anos. Depois, aos 7 ou 8 anos. Dos 9 aos 10 anos, todos os dentes já nasceram”, afirmou.

Mas os pais não devem ficar tão preocupados com o bruxismo nessas idades, porque os dentes são de leite, então o esmalte que foi desgastado será trocado. No entanto, a criança pode usar um aparelho ortodôntico feito de resina para melhorar o problema. O dentista não recomenda o uso de placa nos pequenos, porque a dentição ainda não se formou: “Na transição de dentição, não dá para colocar placa porque ela é fixa. Já o aparelho acompanha o movimento dos dentes”.

A manutenção desse aparelho é periódica, sendo feita de 20 em 20 dias ou mensalmente.

 

Bruxismo é problema comum durante  a infância (Foto: Shutterstock)

Bruxismo é problema comum durante a infância (Foto: Shutterstock)

Apesar de o problema não ser sério, o bruxismo pode desencadear a disfunção de ATM (articulação temporomandibular), que ocorre quando essa articulação é deformada e desgastada pela força da mordida, segundo Alexandre.“Não tem cura. A única cura é a prevenção para estabilizar o quadro. Se isso não ocorrer, uma cirurgia pode ser feita”, contou o dentista.

A prevenção ao bruxismo, que desencadeia a disfunção de ATM, pode ser feita retirando mamadeiras e chupetas, pois elas podem modificar a posição dos dentes e, na ânsia de arrumá-la, a criança os aperta. “Outros fatores que podem desencadear o bruxismo são respiração bucal, desvio de septo, hereditariedade e alimentos que exigem muito da mastigação, como balas e chicletes, que modificam a posição dos dentes”, informou o dentista.

Segundo o neuropediatra, ninguém sabe qual o processo fisiológico responsável pelo bruxismo, mas o dentista declarou que sobrecarregar a criança com tarefas pode causar o apertar de dentes, pois o pequeno ficado estressado.

O estresse atinge pessoas de todas as idades, mas o neuropediatra acredita que o bruxismo ocorre mais em crianças porque a patologia faz parte dos distúrbios do sono, comum na infância. “Assim como uma pessoa faz xixi na cama e é sonâmbula quando pequena, ela tem bruxismo e depois para”.
www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: DTM/ATM e dor orofacial/cefaléia/dor de cabeça/tratamento dor de cabeça/dentista campinas/dentistas campinas/dentista em campinas/dentistas em campinas-sp 

Compartilhe:

DORES NEUROPÁTICAS

Em 21/02/2016

 

Dor neuropática

 
 

A dor neuropática é um tipo de sensação dolorosa que ocorre em uma ou mais partes do corpo e é associada a doenças que afetam o Sistema Nervoso Central, ou seja, os nervos periféricos, a medula espinhal ou o cérebro. 

Essa dor pode ser conseqüência, também, de algumas doenças degenerativas que levam à compressão ou a lesões das raízes dos nervos ao nível da coluna.

Características da dor neuropática 

A dor neuropática se manifesta de várias formas, como sensação de queimação, peso, agulhadas, ferroadas, choques. Pode ser acompanhada ou não de “formigamento” ou “adormecimento” (sensações chamadas de parestesias) de uma determinada parte do corpo. 

Como no sistema nervoso existem fibras “finas” e fibras “grossas”, as características das dores podem identificar qual o tipo de fibra que está acometida. Nas lesões de fibras finas geralmente predominam as dores em queimação, aperto e peso. Nas lesões de fibras grossas são mais comuns as dores em pontadas, agulhadas e choques. Existe, ainda, situações em que existem ambos os tipos de dores, isto é, dores de fibras finas e grossas ao mesmo tempo, sendo chamadas de dores mistas. 

Quando somente um trajeto nervoso está comprometido pela doença, por isso chamado de mononeuropatia, a dor é bem localizada, podendo afetar um lado do corpo ou da região (por exemplo, um lado da perna, do tórax, da face, etc.). Às vezes, mais de um nervo pode estar envolvido no processo, causando dores em mais de um segmento do corpo (mononeuropatia múltipla). 

Quando vários nervos estão alterados ou danificados, ou seja, nas polineuropatias, a dor aparece de forma difusa, generalizada, podendo provocar dor no tronco, nos braços e pernas ao mesmo tempo. 

A dor pode ser contínua (estar presente durante todo o tempo) ou intermitente (em crises, surgindo em horários intercalados). A intensidade da dor varia de fraca a intolerável, dependendo do estágio da doença e do grau de comprometimento dos nervos.

Fatores desencadeantes

Doenças infecciosas – causadas por bactérias ou vírus que podem afetar os nervos pela liberação de toxinas ou pela degeneração provocada pela presença do microorganismo. Podem determinar dores agudas ou dores que persistem após a resolução do processo infeccioso, como, por exemplo, a neuralgia pós-herpética causada pelo vírus Herpes varicela zoster, vulgarmente conhecido como “cobreiro”. 

Traumas – em trajetos nervosos por acidentes, fraturas ou cirurgias que levam a dores agudas de grande intensidade no período de convalescença ou no pós-operatório, as quais podem se tornar crônicas, caso não sejam tratadas adequadamente. 

Diabetes mellitus – na fase degenerativa, pode lesar a capa que reveste os nervos (chamada de “bainha de mielina”), provocando a neuropatia diabética. 

Acidentes – que afetem a coluna, determinando lesões da medula, podendo causar dor intensa e persistente. 

Alcoolismo, deficiência nutritiva e de certas vitaminas – afetam a função nervosa de forma significativa desencadeando um quadro de dor.

Tratamento

O tratamento da dor neuropática varia de acordo com a doença e o estágio em que ela se encontra. O objetivo é tratar especificamente do nervo, ou a doença que está lesando o nervo indiretamente e/ou a dor oriunda dessas lesões ou visar somente o alívio da dor. Os medicamentos comumente usados são: 

Anticonvulsivantes – substâncias usadas para tratar epilepsia (gabapentina, carbamazepina, lamotrigina) que atuam diminuindo a atividade elétrica dos nervos ou inibindo a passagem das dores por determinadas vias nervosas. 

Anestésicos – como a cetamina e ropivacaína, que também diminuem a atividade elétrica dos nervos. 

Antidepressivos – como a amitriptilina e imipramina, que estimulam certas partes do sistema nervoso que vão inibir a passagem das dores, além de atuar na depressão que geralmente acompanha a neuropatia ou qualquer dor na fase crônica. 

Os anticonvulsivantes e os antidepressivos são administrados por via oral e os anestésicos, pelas vias oral, intravenosa e peridural (na medula espinhal). No caso das medicações usadas pela via oral, os resultados de melhora começam a ser sentidos após duas ou três semanas de tratamento e depois de reajustes progressivos nas dosagens. Esses medicamentos costumam, no início, provocar sonolência, tonturas, sensação de cabeça vazia e boca seca, as quais cedem dentro de cinco a sete dias.
Quando se faz uso de medicamento por via intravenosa (infusão pela veia), há necessidade de hospitalização por uns dias, para se controlar melhor as reações. Durante o tratamento, podem ocorrer efeitos colaterais, geralmente mais acentuados no início, que tendem a amenizar com a continuidade da terapia. A persistência com o tratamento é muito importante para se obter bons resultados. 

Cirurgia: Para alguns tipos específicos de dores neuropáticas o médico pode indicar algum tipo de tratamento cirúrgico sobre o nervo ou na medula espinhal ou até em nível cerebral (exemplos: implantes de eletrodos, estimuladores que funcionam como marca-passos do coração). 

O tratamento objetiva a cura da doença e, quando não for possível, o alívio do sofrimento do paciente. Vale lembrar que o controle adequado da dor favorece o paciente em vários aspectos: melhora as atividades diárias, proporciona sono tranqüilo e reparador, aumenta a capacidade para o trabalho, estimula o apetite sexual e de lazer e melhora a auto-estima. Enfim, melhora a qualidade de vida.

Orientações gerais

• É aconselhável buscar orientação médica; 

• Quando mais informações você tiver em relação ao seu problema, mais chances de um bom resultado você terá; 

• Tome as medicações nos horários recomendados, sem alterar as dosagens; 

• Pode ser que o tratamento seja de longa duração, porém, não desanime, procure seguir rigorosamente as orientações da equipe (médico, enfermeiro, etc). 

Lembre-se: O sucesso do tratamento depende muito de você.

 

Exemplos de doenças ou lesões que provocam dores neuropáticas: 

• Neuralgia do trigêmio. 

• Neuralgia do glossofaríngeo (nervo da língua e garganta). 

• Neuralgia facial atípica. 

• Neuralgia traumática (após acidentes). 

• Neuralgia incisional (de cicatrizes). 

• Radiculalgia pós-laminectomia (por cicatriz após cirurgia de hérnia de disco). 

• Neurite ou polineurite diabética. 

• Plexalgia ou plexite após radioterapia. 

• Tumores comprimindo nervos. 

• Síndrome talâmica (após derrames cerebrais em áreas específicas). 

• Disestesia do paraplégico (após lesões completas ou incompletas da medula espinhal).

 

www.odonthos.com.br
19 3044-8899

CONTINUE LENDO...

Tags: Dor de cabeça/cefaléias/DTM/ATM/TRATAMENTO DOR DE CABEÇA/CLÍNICA CAMPINAS SP/ODONTOLOGIA CAMPINAS/DENTISTA CAMPINAS/DENTISTAS CAMPINAS/ 

Compartilhe:

laserterapia em odontologia

Em 14/01/2016

 LASERTERAPIA EM ODONTOLOGIA ODONTHOS CAMPINAS

O laser é uma fonte de luz com vários comprimentos de onda que lhe conferem propriedades terapêuticas, portanto, possuem ação anti-inflamatória, analgésica e bioestimulante. Atualmente devemos considerar o laser um auxiliar terapêutico indispensável ao consultório odontológico. De um modo geral, o laser terapêutico tem uma série de indicações e pode ser usado isoladamente ou como coadjuvante de outros tratamentos, sempre que se necessite de um efeito local ou ainda quando se necessite de um efeito terapêutico geral.

Algumas aplicações e indicações do laser terapêutico na odontologia:

Alívio da dor: promove o alívio de dores de diversas etiologias, dores de origem pulpar, dores nevrálgicas, dores em tecido mole, mialgias, dores de pré e pós-operatório, entre outras aplicações.

Reparação tecidual: promove uma reparação tecidual mais rápida em caso de lesões traumáticas.

Redução de edema ou inchaço: indicado na aplicação do pós-operatório de procedimentos periodontais (inflamações gengivais e dos tecidos de sustentação dos dentes), bem como de outras cirurgias orais menores.

Alívio da hipersensibilidade dentária.

Paralisia facial.

Herpes labial.

Aftas.

Alveolite: infecção ou inflamação do alvéolo pós-extração dentária.

Exodontia: pós-extração dentária.

Nevralgia do trigêmeo.

Periodontite.

Dores na articulação temporo-mandibular.

A tendência da odontologia é a incorporação de métodos menos invasivos com a finalidade de minimizar a dor e o desconforto durante e após as intervenções odontológicas. Por isso, acredita-se que a Laserterapia seja uma excelente opção de tratamento, já que apresenta efeitos antiinflamatórios e analgésicos, além de estimular o crescimento e a regeneração celular.

Abaixo, foto do aparelho DMC PHOTON LASE III usado na odonthos odontologia campinas-sp
 
www.odonthos.com.br
19 3044-8899


CONTINUE LENDO...

Tags: LASER EM ODONTOLOGIA/LASERTERAPIA/CLAREAMENTO À LASER/DENTISTA CAMPINAS/DENTISTAS CAMPINAS/ODONTHOS CLÍNICA DE ODONTOLOGIA EM CAMPINAS/SP 

Compartilhe:

O que é placa bacteriana?

Em 15/05/2015

 Trata-se de uma película pegajosa e incolor, constituída de bactérias e restos alimentares que se forma sobre os dentes. É a principal causa de cárie e gengivite. Se não for removida diariamente, endurece e forma o tártaro.

Como saber se tenho placa bacteriana nos dentes?

Todos nós temos placa bacteriana porque as bactérias estão sempre presentes em nossa boca. As bactérias aproveitam os nutrientes contidos nos alimentos que ingerimos e aqueles contidos na saliva para se desenvolver. A placa causa a cárie quando os ácidos que ela produz atacam os dentes o que acontece após as refeições. Sofrendo esses ataques repetidos, o esmalte dos dentes pode se desfazer e abrir caminho para a formação de cárie. Não sendo retirada, a placa bacteriana pode também irritar a gengiva ao redor dos dentes, causando gengivite (a gengiva fica vermelha, incha e sangra), periodontite e perda dos dentes.

Como posso evitar a formação da placa bacteriana?

É fácil evitar a formação da placa bacteriana. Basta você:

  • Escovar bem, no mínimo três vezes ao dia, principalmente após as refeições, para remover a placa bacteriana de todas as superfícies dos seus dentes.
  • Usar fio dental diariamente para remover a placa bacteriana que se instala entre seus dentes e sob a gengiva, onde a escova não pode alcançar.
  • Limitar a ingestão de alimentos com muito açúcar ou amido, especialmente aqueles que grudam nos dentes.
  • Visitar seu dentista regularmente para fazer limpeza e exame completo dos dentes.

CONTINUE LENDO...

Tags: dentista campinas dentista em campinas clínica de odontologia campinas clínica odontológica campinas dentista cambuí campinas dentistas cambuí campinas dentistas especialistas cambuí campinas-sp 

Compartilhe:

Cárie na infância - informações importantes

Em 04/05/2015

 Também conhecida como cáries de mamadeira, as cáries em bebês constituem um grave problema, que pode destruir os dentes de seu bebê — mas o problema pode ser evitado.

Qual a Causa de Cáries na Infância?

  • Deixar seu bebê dormir com uma mamadeira. Quando seu bebê está dormindo, os líquidos que têm açúcar permanecem em volta dos dentes e podem causar cáries. Até mesmo o leite materno e o de fórmulas contém açúcar.
  • Amamentação prolongada na mãe ou permitir que seu bebê adormeça enquanto se alimenta.
  • Permitir que sua criança fique o tempo todo com a mamadeira.

Coloque Sua Criança na Cama Sem uma Mamadeira...

Sua criança pode adormecer sem uma mamadeira! Siga cinco dicas para tentar:

  • Deixe sua criança levar uma manta, ursinho, boneca, ou brinquedo favorito de "segurança" para cama.
  • Cante ou toque uma música tranqüila baixinho.
  • Segure ou balance sua criança.
  • Faça uma massagem nas costas da sua criança para ajudá-la a relaxar.
  • Leia ou conte uma história para a sua criança.

CONTINUE LENDO...

Tags: dentista campinas dentista em campinas prevenção e saúde bucal dentista cambuí campinas clínica geral em odontologia clínica odontológica cambuí campinas cárie e tratamento 

Compartilhe:

O QUE É BOCA SECA OU XEROSTOMIA

Em 29/04/2015

O que é boca seca?

 

Como saber se tenho boca seca?

Todos temos a boca seca de vez em quando. Mas, quando esta sensação persiste, você pode estar com um problema na produção de saliva. Os sintomas de boca seca incluem:

  • Sensação de secura e pegajosidade em sua boca;
  • Dificuldade de deglutição;
  • Sensação de queimação em sua língua;
  • Sensação de secura em sua garganta;
  • Lábios rachados;
  • Paladar reduzido ou um gosto metálico em sua boca;
  • Feridas na boca;
  • Mau hálito freqüente;
  • Dificuldade de mastigar/falar.

Como tratar a boca seca?

A única maneira definitiva de curar a boca seca é tratando sua causa. Se o seu problema é resultado de medicação, seu médico poderá mudar sua prescrição ou dosagem. Se suas glândulas salivares não funcionam normalmente, mas ainda produzem alguma saliva, seu médico poderá lhe dar um medicamento que ajude as glândulas a funcionarem melhor.

Se a causa de sua boca estar seca não puder ser eliminada você poderá restaurar a umidade de sua boca de diversas maneiras. Seu dentista pode recomendar hidratantes bucais, como substitutos de saliva. Enxagües com soluções bucais especialmente formuladas para diminuir a secura também podem aliviar o problema. Você também pode:

  • Beber água ou bebidas sem açúcar com freqüência;
  • Evitar bebidas com cafeína, como café, chá ou alguns refrigerantes, que também podem causar a secura da boca;
  • Mascar gomas sem açúcar ou chupar balas duras sem açúcar para estimular o fluxo de saliva (se houver alguma glândula salivar funcionando);
  • Não utilizar tabaco ou álcool, que ressecam a boca;
  • Estar ciente de que alimentos condimentados ou salgados podem causar dor em uma boca seca;
  • Utilizar um hidratante bucal, durante a noite.

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista em campinas dentista campinas dentista cambuí campinas odontologia ortodontia campinas aparelho fixo dentário campinas implantes dentários em campinas estética dental DTM/ATM dor de cabeça 

Compartilhe:

Estética Dental - Clareamento e facetas de porcelana

Em 17/04/2015

Que fatores influem na cor dos meus dentes?

Algumas pessoas nascem com dentes mais amarelados que outras. Outras têm dentes que se tornam amarelados com o tempo. A cor natural de seus dentes também pode ser afetada por diversos fatores.

Manchas na superfície (chamadas pelos dentistas de manchas extrínsecas) e descoloração podem ser causadas por:

  • Tabaco (tanto fumado como mastigado);

  • Ingestão de café, chá, ou vinho tinto;

  • Ingestão de alimentos altamente pigmentados como cerejas e amoras;

  • Acúmulo de depósitos de tártaro, resultantes da placa que endureceu.


Manchas internas (chamadas pelos dentistas de manchas intrínsecas):

  • Tratamento com o antibiótico tetraciclina durante o período de formação dos dentes;

  • Aparência amarelada ou acinzentada dos dentes, como parte do processo de envelhecimento;

  • Trauma nos dentes que podem resultar na morte do nervo do dente, conferindo-lhe a cor marrom, cinza ou preta;

  • Ingestão demasiada de flúor durante a formação dos dentes (desde o nascimento até os 16 anos), o que dá ao dente uma aparência manchada.
    www.odonthos.com.br
    #ODONTHOSODONTOLOGIA

 

 

CONTINUE LENDO...

Tags: dentista campinas dentistas campinas dentistas em campinas dentista em campinas clínica odontológica prótese dentária implantes facetas dentárias de porcelana lentes de contato jaqueta dentária estética dental clareamento dental 

Compartilhe:

APARELHO FIXO AUTOLIGADO OU AUTOLIGANTE - VANTAGENS

Em 10/04/2015

 Nos aparelhos ortodônticos autoligados, não há a necessidade do uso das ligaduras elásticas, que são as borrachinhas coloridas, pois os próprios braquetes possuem uma estrutura que serve para prender os arcos ortodônticos. Esse sistema permite um menor atrito do fio metálico com a canaleta do braquete, o que permite a aplicação de uma força mais suave e menos incômoda ao paciente. 

Além disso, a ausência das ligaduras diminui o consideravelmente o acúmulo de bactérias no aparelho, evitando assim cáries, cálculo dentário, mau hálito e outros problemas bucais. 


 

Os resultados podem ser mais rápidos e o tratamento menos doloroso do que com o uso dos aparelhos convencionais. 

Com a existência de um menor atrito entre as estruturas do aparelho e a possibilidade de se aplicar a força adequada para a movimentação dentária a ser obtida, os danos aos tecidos que circundam os dentes (ossos, gengivas e ligamentos periodontais) serão menores, causando movimentações mais rápidas e eficientes e ao mesmo tempo menos efeitos colaterais que possam causar dor. 

Tipos de aparelho ortodôntico autoligado

Existem dois tipos distintos de sistemas de aparelhos ortodônticos autoligados, que são o passivo e o interativo. 

Os passivos são aqueles em que o sistema de fechamento do clip na canaleta do braquete não faz pressão sobre o fio ortodôntico, tendo um melhor desempenho no deslizamento dentário e pior no controle de rotação e inclinação dos dentes. 

Os interativos se comportam como ativos e passivos, e as presilhas flexíveis que fecham a canaleta podem pressionar ou não o arco, dependendo do seu calibre. 

Ambos têm suas vantagens e desvantagens, e o profissional ortodontista vai escolher o tipo de aparelho de acordo com o tratamento mais indicado para cada paciente. 
Abaixo, temos mais um caso clínico realizado na Clínica Odonthos com aparelho ortodoôntico fixo autoligado ou autoligante.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA 

CONTINUE LENDO...

Tags: Ortodontia campinas ortodontia em campinas ortodontista cambuí campinas-sp ortodontista em campinas aparelho dentário fixo autoligado dentista campinas dentista em campinas dentista cambuí campinas-sp 

Compartilhe:

Aplicação de flúor em adultos

Em 07/04/2015

 Adultos podem se beneficiar com o flúor?

Pesquisas recentes mostram que todos podem se beneficiar com o uso de flúor. Especialistas costumavam achar que o flúor funcionava principalmente por fortalecer os dentes enquanto esses estavam ainda em desenvolvimento. Isso significava que as crianças eram o foco dos esforços de fluoretação. Hoje, estudos mostram que o flúor tópico - aquele presente em cremes dentais, enxaguatórios bucais e tratamentos com flúor - ajuda a prevenir o aparecimento de cáries em pessoas de todas as idades.

Como posso saber se preciso de tratamento especial com flúor?
Se a água que você bebe é fluoretada, então a escovação regular com creme dental com flúor é considerada suficiente para a maioria dos adultos com dentes saudáveis. 60% dos municípios do Brasil adicionam flúor na água de abastecimento para ajudar a reduzir a cárie dental. Você pode descobrir se a água da sua cidade é fluoretada ligando para a companhia de abastecimento ou mandando analisar a água, caso ela seja proveniente de uma fonte particular. 

Pessoas que bebem água mineral, e aquelas com as seguintes condições, devem conversar com o dentista sobre tratamentos especiais com flúor:

  • Se você estiver tomando medicamentos que provoquem boca seca ou tem uma doença que cause boca seca. Sem saliva para neutralizar os ácidos na sua boca e remover partículas de alimentos, você fica mais suscetível à cárie dental.
  • Se suas gengivas retraíram ou se descolaram dos dentes. Isso cria mais espaço para as bactérias se alojarem e facilita o surgimento da cárie dental.
  • Se você usa aparelho ortodôntico. Os aparelhos ortodônticos aprisionam grande quantidade de bactérias que podem levar à cárie.
  • Se você fez radioterapia na cabeça ou pescoço. A radiação prejudica as glândulas salivares, causando boca seca.

Quais são os diferentes tipos de tratamento com flúor? 
Você pode se submeter a tratamento com flúor no consultório do dentista. No tratamento feito no consultório, o dentista seca sua boca e aplica uma solução, espuma ou verniz. Alguns dentistas colocam um gel ou espuma dentro de uma moldeira que você utiliza por alguns minutos. Pede-se que você não coma nem beba nada e evite fumar por 30 minutos após a aplicação. 

Independentemente do risco, todos adultos devem usar creme dental com flúor, que teve sua eficácia comprovada na prevenção da cárie dental.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentista em campinas dentista cambuí campinas-sp odontologia campinas odontologia em campinas odontologia cambuí campinas-sp dentistas campinas dentistas em campinas dentistas cambuí campinas-sp  

Compartilhe:

Tabela sobre o cuidado e segurança dos dentes das crianças

Em 31/03/2015

Segurança e seus dentes:

Danos aos dentes podem, muitas vezes, ser prevenidos, especialmente se você sabe os cuidados que deve ter. Esta tabela pode ajudá-lo nisso. Assinale as áreas específicas que você sabe que são perigosas. 

Causa Prevenção Áreas de Perigos Potenciais no Local
Puxar/empurrar
  • Estimule crianças a ter consideração um pelos outros e, de maneira gentil, lembre-os de esperar a vez quando apropriado.
 
Cair da escada
  • Não apresse as crianças.
  • Lembre as crianças de usarem o corrimão.
 
Cair da bicicleta ou de um brinquedo em parquinhos
  • Reveja a regras de segurança.
  • Ensine a usá-lo(a) de maneira segura.
  • Certifique-se de que são apropriados para a idade e de que estão em bom estado.
 
Correr com objetos na boca
  • Façam, juntos, uma lista das únicas coisas que devem ser colocadas na boca e a ilustrem. Pendure na altura dos olhos das crianças.
 
Cair/tropeçar
  • Lembre às crianças que elas devem andar e não correr.
  • Deixe o caminho livre de brinquedos, materiais e poças.
 
Acidentes de carro (paradas bruscas)
  • Sempre use cinto de segurança.
  • Dê objetos para seus filhos simularem a situação.
 
Morder objetos duros
  • Façam, juntos, uma lista do que não se deve morder. Estimule as crianças a incluir itens na lista assim que lembrarem de algo
 

Você Sabia?

  • Os dentes frontais superiores são os mais atingidos nos acidentes.
  • Os dentes de trás e a gengiva normalmente são feridos ao mastigarmos lápis, gelo ou quebrarmos nozes.
  • www.odonthos.com.br
  • #ODONTHOSODONTOLOGIA
  •  
 

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentista em campinas dentista cambuí campinas dentistas campinas dentistas em campinas dentistas cambuí campinas clínica odontológica cambuí campinas clínica de odontologia em campinas odontologia cambuí campinas-sp 

Compartilhe:

O QUE É CÁRIE?

Em 26/03/2015

O que é cárie?

 

“Cárie” é uma outra forma de denominar a deterioração do dente. A deterioração do dente é fortemente influenciada pelo estilo de vida do indivíduo – o que come, como cuida dos dentes, a presença de flúor na água ingerida e o flúor no creme dental de uso. A hereditariedade também tem um papel importante na predisposição de seus dentes para se deteriorarem.

Embora a cárie seja mais comun em crianças, adultos também estão sujeitos a ela. Os tipos de cárie são:

  • Cárie coronária –é o tipo mais comum. Ocorre tanto em criança como em adultos. A cárie coronária se localiza nas superfícies de mastigação ou entre os dentes.
  • Cárie radicular - à medida que envelhecemos, as gengivas se retraem, deixando partes da raiz do dente expostas. Como não existe esmalte cobrindo as raízes do dente, estas áreas expostas se deterioram facilmente.
  • Cárie recorrente - a deterioração pode ocorrer em volta das restaurações e coroas existentes. Isto porque estas áreas tendem a acumular placa, que acabam levando à deterioração.

Os adultos estão especialmente sujeitos a apresentar cárie quando sofrem de xerostomia (boca seca), uma doença causada pela falta de saliva. A xerostomia pode ser decorrente de alguma doença, de medicamentos, da radioterapia e da quimioterapia, e pode ser temporária (dias ou meses) ou permanente, dependendo de suas causas.

A cárie constitue um sério problema. Se não for tratada, uma cárie pode destruir seu dente e atingir a polpa (nervo), o que pode resultar em um abscesso, uma área de infecção na ponta da raiz. Uma vez formado o abcesso, ele só pode ser tratado através do tratamento do canal, de cirurgia ou da extração do dente.

Como eu sei se estou com cárie?

Apenas seu dentista pode dizer com certeza se você tem cárie. Isto porque a cárie se desenvolve embaixo da superfície do dente, onde você não pode vê-la. Quando você ingere alimentos que contenham carboidratos (açúcar e amido), estes carboidratos são digeridos pelas bactérias da placa, produzindo ácidos que corroem a estrutura do dente. Com o tempo, o esmalte do dente começa a fraturar por debaixo da superfície, enquanto a parte externa permanece intacta. Quando uma quantidade suficiente de esmalte sob a superfície já tiver sido destruída, a superfície se desmorona, expondo a cavidade de cárie.

É maior a probabilidade da cárie se desenvolver em fóssulas e fissuras nas superfícies de mastigação dos dentes posteriores, nos espaços entre os dentes e próximo à linha da gengiva. Mas, independentemente de onde ocorrem, a melhor maneira de identificá-la e tratá-la, antes que se torne séria, é visitando seu dentista regularmente para avaliações.

Como posso ajudar a evitar a cárie?

  • Escove os dentes pelo menos duas vezes ao dia, e use o fio dental diariamente, a fim de remover a placa bacteriana entre os dentes e sob a gengiva.
  • Faça avaliações regulares. O cuidado preventivo pode evitar que os problemas ocorram e que problemas menores se tornem sérios.
  • Adote uma dieta balanceada, com pouco açúcar e amido. Quando ingerir estes alimentos, procure comê-los durante a refeição, e não como um lanche, para minimizar o número de vezes que seus dentes são expostos ao ácido.
  • Utilize produtos de higiene dental que contenham flúor, incluindo o creme dental e o enxaguatório.
  • Certifique-se de que a água que suas crianças bebem contenha flúor. Se a água fornecida em sua localidade não contém flúor, seu dentista ou pediatra pode prescrever suplementos de flúor diários.
  •  
  • www.odonthos.com.br
  • #ODONTHOSODONTOLOGIA

 

 

CONTINUE LENDO...

Tags: DENTISTA CAMPINAS DENTISTAS CAMPINAS ORTODONTIA LINGUAL INVISÍVEL ORTODONTISTA DENTISTA CAMBUÍ CAMPINAS APARELHO FIXO DENTÁRIO AUTOLOGADO IMPLANTE DENTÁRIO PRÓTESE DENTÁRIA 

Compartilhe:

Perguntas e respostas na clínica odontológica diária

Em 23/03/2015

 P: A amamentação no peito é melhor do que a mamadeira na prevenção de caries na infância?

R: Muitos especialistas recomendam amamentar no peito em vez de utilizar mamadeiras, para a saúde geral da sua criança. Porém, amamentar no peito pode levar a formação de cáries na infância da mesma forma que a amamentação por mamadeira.

Para prevenir as primeiras cáries:

Evite alimentação durante a noite, tal como trazer o bebê para a sua cama e permitir que ele ou ela se amamente à vontade. O leite pode "permanecer" na boca da criança e causar a formação continua de ácido ao longo da noite. Este ácido leva à formação de cárie.
  • Evite deixar o bebê passear com uma mamadeira.
  • É recomendado que você encoraje sua criança a beber de um copo já no seu primeiro aniversário.
P: Tudo bem se minha criança chupar o dedo polegar?
R: Chupar o polegar é normal em crianças; a maioria para por si próprias até os 2 anos de idade.
  • Se sua criança chupa o polegar e tem mais de 2 anos de idade, tente desencorajá-la até completar 4 anos.
  • Chupar o dedo além da idade de 4 anos pode levar ao problemas de dentes tortos, apinhamento e/ou de mordida.

P: Tudo bem se meu bebê usar a chupeta? 
R: Sim, mas não a coloque em açúcar, mel, ou líquidos adoçados. Além disso:

  • Tente fazer com que sua criança abandone o hábito da chupeta até os idade de 2 anos de idade.
  • Lembre-se que enquanto a chupeta e chupar o polegar não fazem nenhuma diferença para a saúde da criança, uma chupeta pode ser uma escolha melhor, porque pode ser mais fácil parar com o hábito da chupeta da criança, do que de chupar o polegar.
  • www.odonthos.com.br
  • #ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: dentista em campinas dentistas em campinas dentista campinas dentistas campinas dentista cambuí campinas dentistas cambuí campinas odontologia campinas odontologia em campinas odontologia cambuí campinas. 

Compartilhe:

Próteses dentárias - Dúvidas

Em 18/03/2015

 O que são dentaduras (próteses)?

 

O que são Próteses?

Próteses são substitutos para os dentes ausentes que podem ser retiradas e recolocadas na boca. Embora leve algum tempo para que a pessoa consiga se habituar a utilizá-las e embora nunca sejam exatamente iguais aos dentes naturais, atualmente elas oferecem uma aparência mais natural e maior conforto quando comparadas a aquelas de alguns anos atrás. 

Existem dois tipos principais de próteses: totais (dentaduras) ou parciais. Seu dentista irá ajudá-lo a escolher o tipo de prótese mais apropriado, dependendo do número de dentes a serem substituídos e o custo do tratamento.

Como funcionam as próteses?

No caso de próteses totais, uma base acrílica da cor da mucosa bucal se apóia sobre sua gengiva. A base da prótese superior cobre todo o palato (céu da boca), enquanto que a prótese inferior é confeccionada na forma de uma ferradura, a fim de permitir espaço livre para acomodar sua língua. 

As próteses são feitas sob medida em um protético, a partir de moldes tirados de sua boca. Seu dentista irá determinar qual dos três tipos de próteses descritas abaixo é o melhor para você.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas dentista cambuí campinas dentistas cambuí campinas clínica de odontologia campinas odontologia em campinas dentista em campinas dentistas em campinas ortodontia campinas implantes dentários 

Compartilhe:

Quais são os estágios da gengivite?

Em 16/03/2015

 O que é gengivite?

A gengivite é uma inflamação da gengiva que pode progredir e atingir o osso alveolar. É este que envolve e sustenta os dentes. É causada pela presença da placa bacteriana ou biofilme dental, uma película incolor e pegajosa que se forma continuamente nos dentes. Se não for removida diariamente por meio da escovação e do uso do fio dental, a placa bacteriana pode se formar e as bactérias nela contidas poderão infeccionar não apenas a gengiva e a região ao redor dos dentes, mas acabarão por atingir o tecido abaixo da gengiva e o osso que suporta os dentes. Isto pode fazer com que os dentes fiquem amolecidos, caiam ou tenham que ser removidos pelo dentista.

São três os estágios da doença periodontal:

  • Gengivite: Este é o primeiro estágio da inflamação gengival causada pela placa bacteriana que se forma na margem da gengiva. Se a escovação e o uso do fio dental diariamente não forem suficientes para remover a placa, ela produzirá toxinas que podem irritar o tecido gengival, causando a gengivite. Você pode notar algum sangramento durante a escovação e o uso do fio dental. Neste primeiro estágio da doença, o dano pode ser revertido, já que o osso e o tecido conjuntivo que seguram os dentes no lugar não foram atingidos.
  • Periodontite: Neste estágio, o osso e as fibras de sustentação que mantêm os dentes em posição são irreversivelmente danificados. Ao redor da sua gengiva pode começar a se formar uma bolsa que avança para baixo da gengiva e onde ficam armazenados os detritos e a placa bacteriana. O tratamento dentário adequado e a higiene bucal minuciosa em casa, em geral, podem ajudar a prevenir danos maiores.
  • Periodontite avançada: Neste estágio final da doença, as fibras e os ossos de sustentação dos dentes estão destruídos, o que faz com que os dentes migrem ou mudem de lugar ou se tornem abalados ou com mobilidade. Isto pode afetar sua mordida e, se o tratamento não for eficaz, você corre o risco de perder seus dentes.
  • www.odonthos.com.br
  • #ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas dentista em campinas dentistas em campinas odontologia campinas e valinhos clínica odontológica cambuí campinas dentista cambuí campinas dentistas no cambuí campinas 

Compartilhe:

Seu eu beber água mineral, estarei obtendo flúor suficiente?

Em 10/03/2015

 Se eu beber água mineral, estarei obtendo flúor suficiente?

Se a água mineral for sua fonte principal de água de consumo, você poderá não estar obtendo flúor em quantidade suficiente. Enquanto o flúor é adicionado na água de abastecimento público em 60% dos municípios do Brasil para reduzir a cárie dental, a maioria das águas minerais disponíveis no mercado não contém níveis ideais de flúor.

Diversos fatores são importantes para saber se você está recebendo ou não flúor suficiente, entre eles:

  • O nível de flúor na sua água mineral, que pode variar muito entre as diferentes marcas. Se a quantidade de flúor não aparecer no rótulo, peça informações à empresa responsável.
  • A quantidade de água mineral que você bebe durante o dia.
  • Se você usa a água mineral para beber, cozinhar ou preparar sopas, sucos e outras bebidas.
  • Se você também bebe água fluoretada na escola, trabalho ou outros lugares.

Se você bebe principalmente água mineral, você deve conversar com seu dentista sobre a necessidade de tratamentos complementares com flúor -especialmente se tiver filhos. Seu dentista pode recomendar complementação de flúor se achar que seu filho não está recebendo níveis adequados de flúo
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas dentistas em campinas dentista em campinas dentista cambuí campinas dentistas cambuí campinas odontologia campinas odontologia em campinas ortodontista campinas implante dentário DTM/ATM campinas e valinhos-sp 

Compartilhe:

APARELHO FIXO AUTOLIGADO OU AUTOLIGANTE

Em 06/03/2015

 Esse aparelho não tem a necessidade de ligadura elástica (''as borrachinhas'') para prender o fio.

Aparelho Veloz Estético (Aparelho Mais Discreto)

Possui as mesmas virtudes do Aparelho Veloz Metálicoporém com o grande diferencial de ser mais discreto. Ideal para quem quer se beneficiar das vantagens do Sistema Autoligável com mais discrição.

  

 

Vantagens

Acumula menos placa bacteriana, possibilitando melhor higienização.

Minimiza a necessidade de extrações dentárias.

Material de alta tecnologia (fio de níquel-titânio termoativado), onde a força é ativada pela temperatura da boca.

As manutenções são feitas em um intervalo de tempo maior, sem prolongar o tempo do tratamento.

Proporciona correção mais rápida quando comparado aos aparelhos fixos convencionais.

* Possui formato mais arredondado, tornando-se mais confortável.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA
Abaixo caso clínico realizado na clínica com aparelho dentário fixo autoligado ou autoligante


CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia em campinas odontologia cambuí campinas dentista campinas dentista campinas clínica odontológica campinas e valinhos ortodontia aparelhos autoligados aparelho dentário de porcelana clareamento dental 

Compartilhe:

Os medicamentos podem afetar minha saúde bucal?

Em 04/03/2015

 Sim, os medicamentos podem apresentar efeitos colaterais na boca, dos quais a “boca seca" é o efeito colateral mais comum. Não deixe de informar seu dentista sobre os medicamentos que você está usando, mesmo aqueles que comprou sem receita médica.

Os seguintes medicamentos podem causar o ressecamento da boca:

  • Anti-histamínicos (Antialérgicos);
  • Descongestionantes;
  • Analgésicos;
  • Diuréticos;
  • Medicamentos para pressão alta;
  • Antidepressivos.

Outros medicamentos podem causar inflamações, ulcerações, dormência, formigamento, distúrbios de movimento, alterações do paladar e, durante a escovação ou do uso do fio dental, sangramento excessivo da gengiva. Se perceber quaisquer desses sintomas, consulte seu dentista ou médico.

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentistas campinas dentistas em campinas dentista campinas odontologia campinas odontologia em campinas clínica de odontologia cambuí campinas odontologia campinas e valinhos-sp 

Compartilhe:

DOR DE DENTE.O QUE FAZER?

Em 02/03/2015

 Como saber se preciso de um tratamento?

Assim como qualquer trauma na boca, você deve consultar seu dentista imediatamente para saber se um tratamento é necessário. O dentista examinará a área afetada e poderá fazer uma radiografia.

Se a dor é causada por um dente fraturado, trincado ou lascado, você poderá tomar um analgésico simples. Se possível, guarde a parte fraturada do dente e leve-a ao seu dentista. Se um dente for totalmente arrancado da boca devido a um trauma, leve-o ao seu dentista o mais rápido possível. Talvez possa ser possível recolocar seu dente novamente na boca, um procedimento chamado reimplante.

Como um dentista trata um ...?

Dente lascado – Se não sentir dor e a lasca for pequena, fica ao seu critério decidir quando e como o dente deverá ser tratado. Dependendo do tamanho da lasca, ela pode ser suavizada ou corrigida cosmeticamente. Outras opções podem ser o uso de facetas, coroas ou restaurações. Peça ao seu dentista para lhe explicar sobre cada uma delas. Se uma restauração ou dente artificial for lascado, estes deverão ser substituídos.

Dente fraturado ou trincado – Dentes fraturados ou trincados devem ser restaurados assim que possível, para se evitar danos posteriores. Pode ser necessário um tratamento de canal ou fazer a extração do dente. Se a fratura atingir o esmalte e a dentina do dente, uma coroa, em geral, é o melhor tratamento. Lembre-se de que as fraturas nem sempre são visíveis, mesmo por meio de radiografias. Os sintomas podem ser dor durante a mastigação e sensibilidade a alimentos e bebidas frias, em alguns casos ate a bebidas quentes, bem como ao ar, e estes sintomas podem se intensificar com o tempo.

Dente arrancado da boca – O segredo para o sucesso na recolocação de um dente é reimplantálo no local de onde saiu o mais rápido possível. A cada minuto que se passa, um número maior de células da raiz do dente morrerão. Se possível, lave o dente com água apenas, e então o recoloque no local e corra para o dentista imediatamente.O dente deve ser segurado pela coroa, apenas, e não deve secar. O êxito do reimplante é maior durante os primeiros 30 minutos, com boas chances ainda até duas horas após o trauma. Pode ser necessário que seu dentista faça um tratamento de canal uma ou duas semanas após o dente ter se estabilizado.

Dentes irremediavelmente perdidos, ou seja por uma extração realizada por um dentista ou acidentalmente arrancados, devem ser substituídos. Isto evita problemas como dificuldade de mastigação e de fala, alteração de posição entre os dentes remanescentes, disfunção da articulação temporomandibular (ATM) causados pela mastigação no lado onde há mais dentes e um enfraquecimento do maxilar. As opções para a substituição dos dentes podem ser próteses fixas, próteses removíveis ou implantes.

Mandíbula quebrada – Se suspeitar que você ou qualquer outra pessoa esteja com a mandíbula quebrada, não a movimente. A mandíbula deve ser mantida em posição com um lenço, gravata ou toalha amarrada em volta do queixo e por cima da cabeça. Compressas frias devem ser utilizadas para reduzir o inchaço, se houver. Dirija-se imediatamente à sala de emergência de um hospital e chame seu dentista.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

 

CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia em campinas odontologia campinas e valinhos dentista campinas dentistas campinas clínica odontológica cambuí campinas dentistas cambuí campinas dentista em campinas dentista em campinas cambuí 

Compartilhe:

ODONTOLOGIA:PERGUNTAS E RESPOSTAS

Em 24/02/2015

 Perguntas e respostas comuns para as famílias

 

P: A amamentação no peito é melhor do que a mamadeira na prevenção de caries na infância?
R: Muitos especialistas recomendam amamentar no peito em vez de utilizar mamadeiras, para a saúde geral da sua criança. Porém, amamentar no peito pode levar a formação de cáries na infância da mesma forma que a amamentação por mamadeira.

Para prevenir as primeiras cáries:

  • Evite alimentação durante a noite, tal como trazer o bebê para a sua cama e permitir que ele ou ela se amamente à vontade. O leite pode "permanecer" na boca da criança e causar a formação continua de ácido ao longo da noite. Este ácido leva à formação de cárie.
  • Evite deixar o bebê passear com uma mamadeira.
  • É recomendado que você encoraje sua criança a beber de um copo já no seu primeiro aniversário.
P: Tudo bem se minha criança chupar o dedo polegar?
R: Chupar o polegar é normal em crianças; a maioria para por si próprias até os 2 anos de idade.
  • Se sua criança chupa o polegar e tem mais de 2 anos de idade, tente desencorajá-la até completar 4 anos.
  • Chupar o dedo além da idade de 4 anos pode levar ao problemas de dentes tortos, apinhamento e/ou de mordida.

P: Tudo bem se meu bebê usar a chupeta? 
R: Sim, mas não a coloque em açúcar, mel, ou líquidos adoçados. Além disso:

  • Tente fazer com que sua criança abandone o hábito da chupeta até os idade de 2 anos de idade.
  • Lembre-se que enquanto a chupeta e chupar o polegar não fazem nenhuma diferença para a saúde da criança, uma chupeta pode ser uma escolha melhor, porque pode ser mais fácil parar com o hábito da chupeta da criança, do que de chupar o polegar.

P: Qual é o melhor método para escovar os dentes de uma criança pequena?
R: Use uma escova pequena e com cerdas macia. Faça movimentos circulares ou movimentos ondulados em todas as superfícies dos dentes, particularmente onde o dente encontra a gengiva. Quando sua criança aprender a cuspir, use uma pequena quantidade de creme dental com flúor do tamanho de uma ervilha na escova. As famílias devem pedir ao dentista que demonstre a escovação correta na visita da criança ao dentista.

P: Posso transmitir bactérias prejudiciais que possam afetar os dentes do meu bebê?
R: Sim. Germes causadores de cáries podem ser transmitidos via contato - tal como quando o bebê puser as mãos em sua boca, e daí na própria boca. É por isso que é tão importante você manter seus próprios dentes e gengivas saudáveis. 

Além disso, pesquisas têm mostrado que já que uma mulher grávida compartilha seu sangue com seu bebê antes de nascer, qualquer infecção em sua boca - como uma cárie ou doença de gengiva (periodontal) - pode afetar o bebê. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Dentais e Crânio-facial do Instituto Nacional de Saúde, doenças / infecções orais também estão ligadas a problemas bebês prematuros, e com reduzido peso de nascimento.

P: Quando devo começar a usar creme dental com flúor na escovação da minha criança?
R: Quando sua criança souber cuspir. Flúor é seguro e necessário para manter os dentes fortes, mas somente em níveis apropriados. Crianças mais jovens tendem a engolir quantidades excessivas de creme dental , e isto pode levar a flúorese, que causa a descoloração dos dentes. E lembre-se, mesmo que a sua água for fluoretada, é necessário utilizar creme dental com flúor. Flúor é necessário ambos em forma "sistêmica" - como creme dental, e em forma "ingerida" - como água ou suplementos de flúor.

P: Eu uso água engarrafada em casa, e não contém flúor. Tudo bem?
R: Se você usa água engarrafada para beber e cozinhar - ou se sua água do sistema público (comunitário) não contém flúor - não esqueça de avisar a seu dentista ou médico. Eles possivelmente prescreverão suplementos de flúor para o bebê.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia Cambuí Campinas clínica odontológica cambuí campinas e valinhos-sp dentista campinas dentistas em campinas e valinhos ortodontia e ortodontista cambuí campinas aparelho fixo dentário aparelho dentário lingual  

Compartilhe:

IMPLANTES DENTÁRIOS OSSEOINTEGRADOS

Em 23/02/2015

 Como funcionam os implantes dentários?

Por serem integrados ao osso, os implantes oferecem um suporte estável para os dentes artificiais. Próteses parciais e totais montadas sobre implantes não escorregarão nem mudarão de posição na boca, um grande benefício durante a alimentação e fala.

Esta modalidade de prótese é chamada “prótese sobre implante” e confere ao paciente mais segurança em todas as funções bucais proporcionando uma situação mais natural do que pontes ou dentaduras convencionais.

Com a colocação de implantes não é necessário preparar ou desgastar um dente natural para apoiar os novos dentes substitutos no lugar como é feito em pontes fixas convencionais.

Para receber um implante, é preciso que você tenha gengiva saudável e ossos adequados para sustentá-la. Você também deve comprometer-se a manter estas estruturas saudáveis.

Uma higiene bucal meticulosa e visitas regulares ao dentista são essenciais para o sucesso a longo prazo de seus implantes. Implantes dentários são suportes ou estruturas de metal (normalmente de titânio) posicionadas cirurgicamente no osso maxilar abaixo da gengiva para substituir as raízes dentárias. Uma vez colocados, permitem ao dentista montar dentes substitutos sobre eles.

Para algumas pessoas, as próteses e dentaduras comuns são simplesmente desconfortáveis devido a pontos doloridos ou falta de adaptação. Além disso, as pontes comuns devem ser ligadas aos dentes em ambos os lados do espaço deixado pelo dente ausente.

Folheto: Implantes 

Folheto: ImplantesCuidados pós-operatório

  • Não fazer bochechos, pelo menos 12 horas após a cirurgia. Após as refeições escovar e lavar a boca sem bochechar, evitando passar escova no local operado.
  • Aplicar nas primeiras 24 horas bolsa de gelo na face, sobre o local operado, durante 10 minutos e com intervalo de 5 minutos para descanso, começando imediatamente após a cirurgia.
  • Alimentação líquida ou pastosa, de preferência fria ou gelada (leite, suco, sopa, mingau, sorvete, entre outros).
  • Não fazer exercícios físicos. Manter repouso absoluto. Não ficar debaixo do sole evitar bebidas quentes.
  • Deitar com a cabeça mais elevada que o corpo.
  • Caso saia um pouco de sangue, não se preocupe, pois em média 70% do volume é de saliva e somente 30% de sangue. Nesse momento é recomendável morder ou fazer compressão de gaze no local por 30 minutos e repetir em caso de necessidade.
  • Fazer uso da medicação prescrita pelo tempo solicitado.
  •  

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas e valinhos dentistas campinas e valinhos implantes dentários implantodontia cambuí campinas prótese dentária lentes de contato porcelana facetas porcelana jaqueta porcelana reabilitação oral enxerto ósseo 

Compartilhe:

APARELHOS DENTÁRIOS AUTOLIGADOS IMPORTADOS 3M UNITEK

Em 11/02/2015

 
Excelente performance em brackets autoligados passivos, uma combinação de qualidade e inovação para entregar os resultados que você precisa.

A cada estágio do tratamento, desde a instalação até a remoção do aparelho, os brackets autoligados Clarity SL oferecem benefícios a você e seu paciente. Com as vantagens de um bracket autoligado passivo de aletas duplas e a estética dos brackets cerâmicos Clarity, estes brackets proporcionam resultados precisos.

Benefícios
 Possibilidade de intervalos maiores entre as consultas;
 Possibilidade de diminuir o tempo de tratamento;
 Fácil posicionamento dos brackets;
 Eficiente fechamento de espaço;
 Colagem confiável;
 Cerâmica resistente e sem retenção de corantes.

Performance Incomparável

Autoligado totalmente passivo

Autoligado totalmente passivo
 Clipes programados para ajudar no controle das forças do arco
 Sem mecanísmos deslizantes
 Slot familiar e aletas duplas

Mecânica de deslize

Mecânica de deslize
 Bracket autoligado passivo, mesmo com a utilização de arcos retangulares
 Possibilidade do uso de lígaduras se necessário fricção
 Gancho bidirecional para aumento de funcionalidade

Bracket estético

Bracket estético
 Translúcido
 Sem lígaduras que mancham

Aletas duplas

Aletas duplas
 Desenho com slot aberto
 Slot vertical para uso de auxiliares
 Quatro aletas (similares aos brackets convencionais)

Flexibilidade e criatividade

Flexibilidade e criatividade
 Encaixe seletivo no clipe para aumentar a distância interbrackets
 Uso seletivo de ligadura para aumento de controle
 Uso de auxiliares para maior controle de força

 www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Aparelhos fixo dentário aparelhos de porcelana aparelhos autoligados ortodontia campinas e valinhos ortodontia cambuí campinas ortodontista especialista em campinas dentista campinas dentista cambuí campinas 

Compartilhe:

Distúrbios alimentares e problemas de saúde bucal

Em 04/02/2015

Quais problemas de saúde bucal estão associados a distúrbios alimentares?


A anorexia e a bulimia podem danificar seus dentes de diversas maneiras.

Um indivíduo com bulimia entra em um ciclo de comer compulsivamente e vomitar. Os ácidos estomacais durante o vômito passam pela boca e podem desgastar o esmalte do dente, causando cáries, descoloração e até a perda do dente.

Como os dentes ficam com uma aparência gasta e amarelada, o dentista pode ser o primeiro a notar os sinais deste distúrbio alimentar. A odontologia cosmética pode ajudar a corrigir o esmalte danificado dos dentes.

Na anorexia, a quase inanição priva o organismo dos nutrientes de que necessita. Pode-se desenvolver uma osteoporose com um enfraquecimento dos ossos maxilares que suportam os dentes podendo-se chegar até à perda do elemento dentário.

Em ambos os casos, é essencial que se trate as causas subjacentes que levam à anorexia e à bulimia, bem como que se trate as complicações dentárias delas resultantes. Embora o dentista possa reparar o esmalte danificado dos dentes, ele não poderá tratar o distúrbio alimentar real. Casa você tenha – ou suspeite ter - algum distúrbio alimentar consulte seu médico.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia em campinas clínica odontológica cambuí campinas dentista campinas e valinhos dentistas cambuí campinas e valinhos impantes dentários prótese dentária estética dental ortodontista campinas 

Compartilhe:

ALTERNATIVAS DE ESTÉTICA DENTAL

Em 02/02/2015

 Nem todas as pessoas são candidatas para realizar o clareamento. O clareamento não é recomendado se você tem restaurações da própria cor dos dentes, coroas, jaquetas ou facetas em seus dentes incisivos - o clareador não alterará a cor desses materiais, que ficarão aparentes no seu novo sorriso clareado. Nestes casos, você poderá desejar pesquisar outras opções.

Facetas laminadas são camadas finas de porcelana ou de plástico coladas na face frontal dos dentes. Para dentes extremamente descorados, lascados ou disformes, proporcionam um sorriso durável e agradável. Facetas laminadas são difíceis de serem manchadas tornando-as populares no público que busca um sorriso perfeito.

Existem dois tipos de facetas laminadas:

  • As facetas laminadas de porcelana (indireta), que devem ser primeiramente produzidas em um laboratório dental, para serem ajustados aos dentes; são necessárias duas visitas ao dentista. Facetas laminadas de porcelana têm duração de dez a quinze anos ou mais.
  • As facetas laminadas compostas (direto), na qual uma resina é aplicada ao dente numa única visita. Facetas laminadas de resina custam significativamente menos, mas duram somente de cinco a sete anos.

Resinas: utilizam resinas compostas para a restauração de dentes lascados ou quebrados, para o preenchimento de espaços e remodelar ou colorir o sorriso. Após aplicar uma solução levemente corrosiva que desgasta ligeiramente a superfície dos dentes, permitindo que o material do "bonding" adira, seu dentista aplica a resina e a esculpe, dando-lhe cor e forma para produzir o resultado satisfatório. Uma luz de alta-intensidade endurece o material, que é então finamente polido.

  • Muitas pessoas escolhem restaurações de resinas em vez de amálgama porque a resina tem uma aparência mais natural - a cor do material pode ser alterada para igualar-se à cor natural do dente.
  • Em comparação às em amálgama a desvantagem das restaurações em resina é o custo mais elevado, e por serem porosos, os fumantes verificarão que amarelará mais facilmente.

Seu dentista pode lhe dizer se você é um bom candidato para facetas laminadas ou uso de resinas.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista Campinas dentistas em campinas clínica de odontologia cambuí campinas clínica odontológica campinas e valinhos -sp ortodontista cambuí campinas estética dental facetas de porcelana lentes de contato porcelana 

Compartilhe:

COMO USAR FIO DENTAL

Em 23/01/2015

 Como usar o fio dental

 

Qual a maneira correta de usar o fio dental?

Quando usado corretamente, o fio dental remove a placa bacteriana e os resíduos de alimentos das áreas onde a escova dental não tem acesso fácil, como, por exemplo, a linha da gengiva e as áreas entre os dentes. O uso diário do fio dental é altamente recomendável uma vez que a placa bacteriana pode levar ao aparecimento de cáries e doenças gengivais.

Para usar o fio dental de maneira correta faça o seguinte:

  • Enrole aproximadamente 40 centímetros do fio ao redor de cada dedo médio, deixando uns dez centímetros entre os dedos.
  • Segurando o fio dental entre o polegar e indicador das duas mãos, deslize-o levemente para cima e para baixo entre os dentes.
  • Passe cuidadosamente o fio ao redor da base de cada dente, ultrapassando a linha de junção do dente com a gengiva. Nunca force o fio contra a gengiva, pois ele pode cortar ou machucar o frágil tecido gengival.
  • Utilize uma parte nova do pedaço de fio dental para cada dente a ser limpo.
  • Para remover o fio, use movimentos de trás para frente, retirando-o do meio dos dentes.

Que tipo de fio dental devo usar?

Há dois tipos de fio dental:

  • Fio de nylon (ou multifilamento)
  • Fio PTFE (monofilamento)

Existem no mercado fios dentais de nylon, encerados ou não, com uma grande variedade de sabores. Como esse tipo de fio é composto de muitas fibras de nylon, ele pode, às vezes, rasgar ou desfiar, especialmente se os dentes forem muito juntos. Embora mais caro, o fio de filamento único (PTFE) desliza facilmente entre os dentes, mesmo com pouco espaço, e não se rompe. Usados de maneira adequada os dois tipos de fio removem a placa bacteriana e os resíduos de alimentos.
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

 

CONTINUE LENDO...

Tags: Dentista campinas dentista cambuí campinas dentistas em campinas dentista em campinas e valinhos prevenção em odontologia clínica de odontologia em campinas Clínica odontológica cambuí campinas-sp 

Compartilhe:

Como é realizado o clareamento de dentes?

Em 19/01/2015

Há muitas maneiras de clarear os dentes, de creme dental com ação clareadora e outros produtos que removem manchas superficiais a custos reduzidos, a técnicas ativadas por luz executadas no consultório de um dentista e que podem custar em torno de R$ 1.000 ou mais dependendo do profissional.

Todas as técnicas de clareamento são realizadas de uma dessas duas maneiras:

  1. Procedimentos clareadores que modificam a cor natural dos dentes, deixando-os com tons de cinco a sete vezes mais claros. Tanto o clareamento realizado no consultório (assistida) quanto aquele realizado em casa (moldeira) utilizam alvejantes. Os princípios ativos mais freqüentemente contidos nos alvejantes são o peróxido de carbamida e o peróxido de hidrogênio a concentrações de 10 a 22%, que ajudam na remoção tanto das manchas superficiais quanto das profundas. Há diferenças de custo entre os diferentes procedimentos:

    • Uma sessão de clareamento ativada por luz no consultório do dentista, às vezes chamadas clareamento assistido (clareamento no consultório), produzem resultados nos dentes muito mais brancos, instantaneamente. Porém, após um ano comendo e bebendo normalmente (café, chá, refrigerantes), seus dentes perdem ligeiramente a cor e novas manchas aparecem. Para ter seus dentes brancos novamente você deverá repetir a sessão de clareamento ativado por luz.
    • Uma moldeira personalizada criada pelo seu dentista para clarear os dentes em casa,  deve ser usada durante muitas horas durante o dia, ou durante a noite por duas semanas. Quando você observa novas manchas, deve apenas usar a moldeira novamente por uma ou duas noites para removê-las.
    •  
  2. Procedimentos não clareadores funcionam por ação física e/ou química para ajudar a remover manchas superficiais. Todas os cremes dentais recaem no uso de um leve desgaste para remoção de manchas superficiais entre consultas odontológicas. Cremes dentais clareadores contêm agentes químicos ou polidores para promover a remoção adicional das manchas. Uma limpeza profissional feita por uma dentista ou higienista também envolve desgaste para remoção de manchas mais externas causadas por alimentos ou tabagismo.
Cada um responde de maneira diferente a cada tipo de clareamento. Algumas pessoas respondem bem aos cremes dentais clareadores, enquanto outras, com dentes acinzentados ou outro tipo grave de descoloração, necessitam de facetas laminadas de porcelana(abordados ainda nessa sessão) para obter os sorrisos que sempre desejaram. Apenas seu dentista ou higienista podem determinar o que é melhor para você. 
www.odonthos.com.br
#ODONTHOSODONTOLOGIA

CONTINUE LENDO...

Tags: Clareamento dental estética dental dentes mais brancos branqueamento dental creme dental clareador dentista campinas e valinhos clínica odontológica cambuí campinas e valinhos clínica de odontologia campinas e valinhos-sp 

Compartilhe:

IMPLANTES DENTÁRIO - PROTOCOLO EM IMPLANTODONTIA

Em 29/10/2014

 A solução de Protocolo é considerada a mais evoluída que existe na reabilitação de desdentados, é fixada através de parafusos. Ou seja, o paciente não precisa removê-la para fazer a sua higiene bucal. A sua remoção acontecerá na clínica, a cada 6 meses para limpeza geral e profilaxia da peça.

Para isso utilizamos em média 6 implantes na arcada superior e 4 na inferior.
A curvatura das maxilas são simuladas por uma barra metálica, que será o agente de união entre a prótese e os implantes, promovendo



estética e principalmente resistência na prótese protocolo. 
Quando falamos de reabilitação da maxila (superior), a prótese protocolo é a ÚNICA que não necessita de “céu da boca”, gerando no paciente as sensações de liberdade, conforto e segurança.

CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia em campinas clínica odontológica cambuí campinas dentista campinas implante dentário prótese dentária odontologia estética ortodontista em campinas aparelhos autoligados aparelhos invisíveis lingual Valinhos-SP 

Compartilhe:

Prótese Fixa Sobre Implante

Em 23/10/2014

 Indicada para perda de “dois ou mais elementos dentários". Primeiramente acontece a implantação de dois ou mais “parafusos” de titânio, que servirão de pilares para futura prótese. Depois de 3 a 4 meses de cicatrização, iniciar-se-á  o processo de abertura dos implantes para a moldagem e confecção das próteses fixadas nos parafusos de titânio, e soldadas umas nas outras resultando em “resistência e estabilidade” da peça.

CONTINUE LENDO...

Tags: Odontologia Campinas-SP Ortodontista em Campinas dentista Campinas dentistas em Campinas clinica odontológica Campinas e Valinhos-SP Implantes dentários prótese dentária jaquetas de porcelana 

Compartilhe:

Como escolher a escova dental correta

Em 22/10/2014

 Que tipo de escova devo usar?

Não é fácil decidir qual o tipo de escova usar, já que o mercado oferece inúmeros tipos, formas e tamanhos. Contudo, lembre-se de que:

  • A maior parte dos dentistas concorda que as escovas macias são mais eficientes para remover a placa bacteriana e os resíduos de alimentos. De preferência, a escova deve também ter cabeça pequena para poder mais facilmente alcançar todas áreas da boca, como, por exemplo, os dentes posteriores.
  • Com relação ao tipo de cabo (por exemplo, flexível ou não), formato da cabeça da escova (retangular, cônica, etc.) e estilo de cerdas (com pontas planas, arredondadas, em diferentes níveis, etc.), escolha o que for mais confortável para você. O importante mesmo é usar uma escova que se ajuste bem à sua boca e alcance todos os dentes.
  • Consulte seu dentista e peça uma orientação sobre a melhor escova para seu caso

Quando devo trocar minha escova dental?
Troque sua escova de dentes a cada três meses ou quando as cerdas estiverem desgastadas. Além disso, é muito importante trocar de escova depois de uma gripe ou resfriado para diminuir o risco de nova infecção por meio dos germes que aderem às cerdas.

CONTINUE LENDO...

Tags: Escova dental fio dental prevenção em odontologia dentista campinas dentistas em campinas e Valinhos clínica odontológica Cambuí Campinas-SP clínica odontológica em Valinhos-SP 

Compartilhe:

LUXAÇÃO DA ATM

Em 06/10/2014

 A luxação da articulação temporomandibular (ATM) ocorre quando o côndilo é deslocado anteriormente à eminência articular na máxima abertura bucal e permanece travado em frente à eminência impedindo o fechamento da boca. Na maioria dos casos a luxação apresenta-se como um episódio isolado, mas há casos recorrentes. Para tratamento destes casos vários métodos, conservadores e cirúrgicos são descritos na literatura. Existem dois conceitos filosóficos para o tratamento da luxação recidivante da ATM: um que restringe o movimento de abertura e outro que propicia uma livre movimentação da mandíbula. Relata-se um caso clínico, no qual o tratamento realizado foi a técnica de eminectomia (livre movimentação da mandíbula) para o tratamento da luxação recidivante da ATM.

CONTINUE LENDO...

Tags: DTM/ATM DOR OROFACIAL CEFALÉIA DOR DE CABEÇA DENTISTA CAMPINAS ODONTOLOGIA CLÍNICA CAMPINAS CLÍNICA ODONTOLÓGICA CAMBUÍ CAMPINAS-SP CLÍNICA ODONTOLÓGICA EM VALINHOS-SP 

Compartilhe:

BRUXISMO

Em 01/09/2014

 Bruxismo: sinais e sintomas

 

O que é Bruxismo?

Se você acorda e os músculos da sua mandíbula estão doloridos ou com dor de cabeça, você pode estar sofrendo de bruxismo - um ranger ou um forte apertar dos dentes. O bruxismo pode fazer os dentes ficarem doloridos ou soltos, e, às vezes, partes dos dentes são literalmente desgastados. Eventualmente, o bruxismo pode acarretar a destruição do osso circunvizinho e do tecido da gengiva. O Bruxismo também pode levar a problemas que envolvam a articulação da mandíbula, como síndrome da articulação têmporo-mandibular (ATM).

Como saber se tenho bruxismo?

Para muitas pessoas, o bruxismo é um hábito inconsciente. Estas pessoas podem nem mesmo perceber que estão fazendo isto, até que alguém comente que elas fazem um horrível som de ranger de dentes enquanto estão dormindo. Para outras pessoas, é quando fazem um exame dental rotineiro e descobrem que seus dentes estão desgastados ou o esmalte de seu dente está rachado.

Outros potenciais sinais de bruxismo incluem dor na face, na cabeça e no pescoço. Seu dentista é capaz de fazer um diagnóstico preciso e determinar se a origem da dor facial é causada por bruxismo.

Como o bruxismo é tratado?

O tratamento apropriado dependerá do que está lhe causando o problema. Fazendo perguntas apropriadas e examinando detalhadamente seus dentes, seu dentista pode lhe ajudar a determinar se a fonte potencial de seu bruxismo. Com base no grau dos danos causados a seus dentes e a causa provável, seu dentista poderá sugerir:

  • O uso de um dispositivo quando dormir. Feito sob medida pelo seu dentista e ajustado aos seus dentes, o dispositivo encaixa-se sobre os dentes superiores e os protege de se triturarem com os dentes inferiores. Apesar de o dispositivo ser uma boa maneira para lidar com bruxismo, ele não é uma cura.
  • Encontrando meios de relaxamento. A tensão cotidiana parece ser uma das causas principais do bruxismo, e não importa o que seja que reduza a tensão, pode contribuir - ouvir música, ler um livro, fazer um passeio ou tomar um banho. Procurar alguma terapia auxiliará no aprendizado de meios eficazes de controlar situações estressantes. Adicionalmente, se aplicar uma toalhinha morna e molhada no lado de sua face isto poderá ajudar a relaxar os músculos doloridos devido à pressão exercida.
  • Reduzindo a "exposição" de um ou mais dentes para igualar sua mordida. Uma mordida anormal, no qual os dentes não se ajustam bem, também pode ser corrigido com restaurações, coroas ou ortodontia.
  • Fonte:Site Colgate
  • Abaixo paciente com bruxismo sevro.Observem o desgaste acentuado das faces incisais dos dentes anteriores.
  •  

CONTINUE LENDO...

Tags: Bruxismo dentário Dentista Campinas-SP Odontologia Campinas-SP dentistas cambuí campinas clínica odontológica em campinas e valinhos-sp 

Compartilhe:

Prótese Fixa ou Prótese dentária Unitária

Em 13/08/2014

Prótese fixa unitária ou com mais elementos consiste em substituir a parte perdida do dente ou o dente como um todo.Popularmente conhecidas como jaquetas são coroas dentárias totais.Neste caso ainda temos a raíz do dente e " encapamos" o restante com coras de porcelana e pinos intraradiculares.Podem ser livres de metal (metal Free), ou com metal por baixo (métalo-cerâmicas).
As peças protéticas conhecidas como ponte fixa são usadas quando há perda total do dente.Neste caso usamos os dentes vizinhos para apoio.São dois ou mais elementos (múltiplos).Podemos nesse caso usar os implantes osseointegrados para repor o elemento perdido.
Abaixo temos um caso onde primeiramente tratamos com aparelho fixo ortodôntico e posteriormente trocamos as coroas ou jaquetas com metal por baixo dos elementos centrais por coras dentárias metal free ( sem metal por baixo, muito mais estético).



CONTINUE LENDO...

Tags: Prótese fixa dentária  ponte fixa jaqueta ou coroa dentária  cirurgião dentista Cambuí Campinas-SP dentista campinas e valinhos-sp dentistas cambuí campinas e valinhos-sp clinica odontológica campinas e valinhos 

Compartilhe:

Dores de Cabeça x DTM/ATM

Em 20/07/2014

Hoje em dia muito se fala em DTM/ATM.A ATM é nome da articulação temporo mandibular e DTM é o nome que recebe as disfunções geradas nessa aticulação.Dores de cabeça ou cefaléias, estalos, desvios ou creptações,deslocamentos, dificuldade de abrir ou fechar a boca são alguns dos problemas gerados pela DTM.
As causas são multifatorias, ou seja, a disfunção geralmente esta associada a diversos fatores.Desarmonia na oclusão ou encaixe dos dentes, problemas de ordem geral como coluna cervical, fibromialgia,artrite ou artrose, são causas comuns que participam dos múltiplos fatores.Associamos ainda nessa tríade principal, o componente emocional que gera tensão e por sua vez o paciente invariavelmente aperta os dentes com muita intensidade e causa fadiga dos músculos da mastigação, trazendo como consequência dor e desconfortos.

CONTINUE LENDO...

Tags: DTM/ATM ortopedia funcional maxilar dor de cabeça cefaléia tratamento ATM Dentista Campinas-SP 

Compartilhe:

Cuidados pós clareamento Dental

Em 05/05/2014

O clareamento dental requer alguns cuidados após sua realização afim de prolongarmos por mais tempo o resultado obtido.Há necessidade de reaplicações periódicas de acordo com indicação do cirurgião Dentista.Alguns alimentos e bebidas devem ser evitados pois diminuem o intervalo das reaplicações.

CONTINUE LENDO...

Tags: Clareamento dental  estética dental dentes brancos gel clareador dental Dentista Campinas-SP 

Compartilhe:

Dados incorretos, refaça sua busca com uma palavra maior.